Domperidona Bula – Para Que Serve? Dá Sono? Emagrece? Posologia, Efeitos Colaterais

Existem muitos sintomas que podem aparecer durante diversas situações da vida, seja um estresse do dia a dia, algum alimento estragado ingerido, reação à algum remédio, sintoma propriamente que alguma doença causa ou mulheres que estejam grávidas. Um dos sinais mais comuns de ocorrerem no organismo humano são as náuseas seguidas de vômitos. Felizmente, existem remédios com componentes bem efetivos no tratamento, prevenção e alívio desses sintomas. Entre eles, um que se destaca positivamente, e costuma ser bastante recomendado pelos médicos especialistas aos seus pacientes, é o Domperidona do laboratório Medley, sendo comercializado em forma de xarope, solução oral em gotas e comprimidos.

Com isso, hoje, nesse artigo, estaremos abordando informações sobre seu uso, incluindo detalhes importantes das contraindicações e precauções de uso que devem ser respeitados por todos os pacientes que desejam iniciar o tratamento.

Para que serve o Domperidona

O Domperidona é efetivo para o tratamento e alívio de diversas situações. As principais indicações de uso são em pacientes que estejam sofrendo de:

  • Refluxo gastroesofágico
  • Esofagite
  • Dificuldade na digestão
  • Flatulência em excesso
  • Azia e queimação epigástrica
  • Dor ou distensão abdominal
  • Saciedade precoce
  • Eructação
  • Náuseas e vômitos

Como vale sempre ressaltar, o medicamento não devem ser utilizado por conta própria, mesmo o paciente sabendo da indicação de uso do medicamento. Só inicie o tratamento após a orientação do médico especialista.

refluxo Domperidona

Como funciona o Domperidona

Dentro do organismo humano, após ser administrado pelo paciente, auxilia diretamente na movimentação do alimento, deixando sua passagem pelo esôfago, estômago e intestinos mais rápido, fazendo com que ele não fique parado nesses órgãos, evitando que ocorra problemas estomacais.

Como tomar o Domperidona (posologia)

Domperidona comprimido

A administração dos comprimidos devem ser feita via oral.

Caso o paciente achar necessário, pode tomar o medicamento junto a um copo de água. Não é permitido mastigar ou cortar o comprimido ao meio.

A posologia normalmente recomendada é:

  • A dose para adolescentes e adultos com mais do que 12 anos e crianças com peso maior do que 35 kg que sofrem com síndromes dispépticas é de 1 comprimido 3 vezes ao dia. A dose máxima permitida é de 8 comprimidos.
  • A dose para adolescentes e adultos com mais do que 12 anos e crianças com peso maior do que 35 kg que sofrem com náuseas e vômitos é de 1 comprimido 3 vezes ao dia. A dose máxima permitida é de 8 comprimidos.

As dosagens devem ser administradas antes das principais refeições do dia.

Domperidona bula

Domperidona xarope

A administração da solução em xarope deve ser feita via oral.

A dosagem normalmente recomendada é:

  • A dose para adolescentes e adultos com mais do que 12 anos e crianças com peso maior do que 35 kg que sofrem com síndromes dispépticas é de 30 ml, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 40 ml.
  • A dose para crianças com menos do que 12 anos e com peso menor do que 35 kg que sofrem com síndromes dispépticas é do acrescimento de 2,5 mL para cada kg do paciente, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 35 ml.
  • A dose para adolescentes e adultos com mais do que 12 anos e crianças com peso maior do que 35 kg que sofrem com náuseas e vômitos é de 30 mL, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 8 comprimidos.
  • A dose para crianças com menos do que 12 anos e com peso menor do que 35 kg que sofrem com com náuseas e vômitos é do acrescimento de 2,5 mL para cada kg do paciente, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 35 ml.

Domperidona gotas

A administração da solução em xarope deve ser feita via oral.

A dosagem normalmente recomendada é:

  • A dose para adolescentes e adultos com mais do que 12 anos e crianças com peso maior do que 35 kg que sofrem com síndromes dispépticas é de 30 ml, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 40 ml.
  • A dose para crianças com menos do que 12 anos e com peso menor do que 35 kg que sofrem com síndromes dispépticas é do acrescimento de 2,5 mL para cada kg do paciente, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 35 ml.
  • A dose para adolescentes e adultos com mais do que 12 anos e crianças com peso maior do que 35 kg que sofrem com náuseas e vômitos é de 30 mL, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 8 comprimidos.
  • A dose para crianças com menos do que 12 anos e com peso menor do que 35 kg que sofrem com com náuseas e vômitos é do acrescimento de 2,5 mL para cada kg do paciente, dividida em 3 tomadas ao dia. A dose máxima permitida é de 35 ml.

Composição

Cada mL de suspensão oral do Domperidona contém os seguintes componentes:

  • 1 mg de domperidona
  • Excipientes: celulose microcristalina, carmelose sódica, citrato de sódio di-hidratado, edetato dissódico dihidratado, glicerol, goma xantana, metilparabeno, polissorbato 60, propilparabeno, sacarina sódica di-hidratada, simeticona, sorbitol e água purificada

Cada comprimido de 10 mg de Domperidona contém os seguintes componentes:

  • 10 mg de domperidona
  • Excipientes: lactose, celulose microcristalina, povidona (PVP K30), amido de milho, laurilsulfato de sódio e estearato
    de magnésio

Contraindicação

Como todos os medicamentos, o Domperidona não deve ser utilizado por alguns pacientes, para evitar problemas no futuro. As pessoas que são contraindicadas de utilizar o remédio são:

  • Possuir hipersensibilidade, alergia ou qualquer outro problema relacionado aos componentes presentes na formulação do medicamento.
  • Pacientes que possuem prolactinoma.
  • Pacientes que podem ter chances de hemorragia gastrintestinal, obstrução mecânica e/ou perfuração.

 

Efeitos colaterais do Domperidona

Os pacientes que se irão se tratar utilizando Domperidona podem apresentar efeitos colaterais e reações adversas indesejadas, como:

Domperidona dá sono

  • Depressão e ansiedade
  • Perda da libido sexual
  • Sonolência
  • Dor de cabeça
  • Acatisia
  • Diarreia
  • Erupções cutâneas
  • Aumento das mamas e/ou elas ficarem mais sensíveis
  • Galactorreia e amenorreia
  • Alteração no ciclo menstrual e na lactação
  • Cansaço físico
  • Choque anafilático
  • Alteração de humor
  • Tontura
  • Convulsão
  • Morte cardíaca súbita
  • Arritmia ventricular
  • Dificuldade para urinar

Se qualquer um desses efeitos colaterais, ou outra reação adversa, aparecer, o paciente deve buscar orientação médica com urgência e notificar a ANVISA.

Superdosagem

Os pacientes que tomarem uma dose acima do permitido de Domperidona podem apresentar sintomas como: alteração do humor, agitação, alteração da consciência, convulsão, sono em excesso e movimentos aleatórios.

Em caso de superdosagem, o paciente deve buscar ajuda médica com rapidez e urgência, levando consigo a bula e embalagem original do produto.

Precauções

Além das contraindicações, abordadas no tópico “Contraindicação” desse artigo, o paciente deve ficar ciente sobre algumas precauções de uso do Domperidona. São elas:

  • Pacientes que possuem, ou já possuíram, doença nos rins ou no coração devem informar o médico antes de dar início ao tratamento com o medicamento.
  • Pacientes com intolerância ao sorbitol e intolerância à frutose devem ter cautela ao utilizar o Domperidona.
  • Crianças devem utilizar a menor dosagem recomendada.
  • Pacientes devem evitar de dirigir ou operar máquinas ao administrar o Domperidona.
  • Mulheres grávidas ou que estejam amamentando só podem utilizar o medicamento sob orientação médica.

Domperidona emagrece

Interação do Domperidona com outros remédios

As seguintes substâncias e medicamentos podem interagir com o Domperidona: medicamentos que retarda a atividade do estômago e/ou do intestino, medicamentos para a acidez estomacal azólicos, macrolídeos, anti-AIDS, nefazodona, diltiazem. verapamil, amiodarona, aprepitanto e telitromicina.

É sempre importante informar ao seu médico se você estiver fazendo uso de qualquer outro medicamento.

Domperidona emagrece ou engorda?

Diante das informações de estudos e contidas na bula do Domperidona, é impossível afirmar se o medicamento causa o ganho ou perda de peso durante seu uso. Porém, caso isso venha acontecer, o paciente deve buscar orientação médica, pois esta não é a ação de indicação do Domperidona.

Armazenamento

A embalagem original do produto deve ser mantida em um local com temperatura ambiente e longe da luz e umidade.

Mantenha longe do alcance de crianças.

 

Domperidona Preço

O genérico Domperidona pode ser encontrado sendo comercializado nas principais farmácias populares. É necessária a presença da receita médica para sua aquisição.

A caixa contendo 30 comprimidos de 10 mg cada é comercializado pelo preço variante de R$3 a R$6.

A caixa contendo 60 comprimidos de 10 mg cada é comercializado pelo preço variante de R$6 a R$10.

O frasco contendo 100 ml é comercializado pelo preço variante de R$20 a R$30.

Pergunta dos leitores

Domperidona da sono?

Um dos possíveis efeitos colaterais causados pelo Domperidona é a sonolência. Então, sim, existem chances do medicamento causar sono no paciente.

Quais os nomes comerciais do Domperidona?

O Domperidona pode ser encontrado sendo comercializado nos seguintes nomes de medicamentos: Dompgram, Dompliv, Domperix, Motilium, Molidon, Motiridona, Peridona e Peridal.