Monuril – Preço, Bula, Para que Serve? Como Tomar?

Infecções urinárias por bactérias são extremamente comuns. Apesar de que com uma boa higiene quase sempre é possível se precaver delas, há pessoas que possuem facilidade em contrair isso. As vezes doloridas e muitas vezes incômodas, as infecções urinárias podem ser causadas por dezenas de bactérias diferentes. O Monuril é um medicamento de amplo espectro que consegue combater quase todas.

Para que serve o Monuril

Este é um medicamento indicado para o tratamento de infecções bacterianas urinária de curta duração. Exemplo delas são:

  • cistite aguda e recidivante (recorrente);
  • uretrite não específica;
  • síndrome uretrovesical bacteriana aguda;
  • infecção urinária pós-operatória;
  • bacteriúria assintomática durante a gravidez (presença de bactérias na urina sem que haja sintomas de infecção).

Monuril também é indicado para a prevenção da infecção urinária pós-cirúrgica. Também é usado como prevenção quando há intervenções instrumentais do trato urinário.


Como funciona

O Monuril é um antibiótico sintetizado em laboratório. Ele possui amplo espectro de ação, ou seja, apresenta uma elevada atividade bactericida. Ele age matando as bactérias e atua contra germes Gram-positivos e Gram-negativos, mesmo aqueles que são resistentes a outros antibacterianos e antibióticos.

Este medicamento é Infecção Urináriaum produto derivado do ácido fosfônico. Este que é eficaz quando administrado em dose única. O Monuril é apresentado na forma de granulado, em envelope. Para que haja total funcionalidade, é necessário que o conteúdo do envelope seja dissolvido em água para que, só então, haja a administração por via oral.

Como usar o Monuril ( posologia )

Em todos os casos é necessário dissolver o conteúdo do envelope de em um copo de água que tenha entre 50 mL e 75 mL. Após isso, mexa a mistura com uma colher. A solução precisar ser ingerida de estômago vazio logo após o preparo e, de preferência, de noite antes de se deitar e logo após fazer a última urina do dia.

A dosagem pode variar de acordo com cada caso e com a orientação do médico. A posologia usual é de uma dose única (1 envelope), mas pode variar.

As posologias para alguns casos específicos são:

  • Para infecções agudas, apenas um envelope;
  • Para infecções por Pseudomonas, Proteus e Enterobacter, dois envelopes administrado em intervalos de 24 horas;
  • Para profilaxia das infecções urinárias após intervenções cirúrgicas e manobras instrumentais, dois envelopes. Um deve ser usado 3 horas antes da intervenção e o outro 24 horas depois.

Em todos os casos, os sintomas costumam desaparecer entre 2 e 3 dias.

Composição

Cada envelope de Monuril contém 5,631 g de fosfomicina trometamol (que equivale a 3 g de fosfomicina).

O resto de sua fórmula é de seus excipientes. Eles são: sacarose, aroma de tangerina, sacarina e aroma de laranja.

Contraindicação do Monuril

Ninguém deve consumir esse medicamento se sofrer de alergia (hipersensibilidade) à fosfomicina ou a quaisquer outros componentes de sua fórmula.

Além disso, pacientes com insuficiência renal grave (clearance de creatinina <10 mL/min) e os pacientes que foram submetidos a hemodiálise não podem fazer uso desta medicação.

Monuril é um medicamento contraindicado para crianças sem que haja orientação médica. E Monuril não deve ser utilizado por grávidas sem a autorização e orientação do médico responsável.

Precauções

Reações de hipersensibilidade (como anafilaxia e choque anafilático) costumam ocorrer caso tenha alergia a fosfomicina. Essas situações podem ser fatais.

A diarreia associada ao antibiótico já foi relatada com o uso de todos os agentes antibacterianos. E o fosfomicina trometamol está nessa lista. A intensidade pode variar de uma diarreia leve até colite fatal. Caso os sintomas de diarreia estejam mais potentes do que o normal, interrompa imediatamente a medicação. Pode estar ocorrendo alguma reação interna.

O uso desta medicação em idosos deve ser de acordo com as orientações médicas e as descritas na bula. Em crianças menores de 12 anos, a eficácia, segurança e dose de Monuril ainda não foram estabelecidas em nenhum estudo clínico realizado. Apenas se o médico autorizar Monuril pode ser usado em crianças

Quando há insuficiência renal, as concentrações urinárias de fosfomicina ficam eficazes por 48 horas após a dose normal. Mas isso apenas se a depuração de creatitina estiver acima de 10 ml/min.

Quando há insuficiência hepática, a fosfomicina não será metabolizada. Com isso, o ajuste posológico nesses pacientes não será necessário.

Quando os pacientes foram diabéticos: monuril contém sacarose, que nada mais é do que açúcar.

Efeitos colaterais do Monuril

Monuril é um medicamento que, apesar de forte, possui apenas poucas reações adversas. Elas costumam regredir com a descontinuação da medicação.

As reações comuns, que ocorrem entre 1% e 10% dos pacientes que usam monuril, são: náusea, diarreia, dispepsia (desconforto gástrico), dor de cabeça, vulvovaginite e tontura.

As reações incomuns, que ocorrem entre 0,1% e 1% dos pacientes que usam monuril, são: dor abdominal, vômitos, “rash” (manchas avermelhadas na pele cutâneo), prurido, urticária (coceira), parestesia (formigamento) e fadiga.

As reações raras, que ocorrem entre 0,01% e 0,1% dos pacientes que usam monuril, são: taquicardia.

Há também reações com frequência desconhecida: reações anafiláticas (incluindo choque anafilático), asma, hipersensibilidade, colite associada a antibiótico (inflamação intestinal), hipotensão e angioedema (inchaço nas mucosas – face).

Superdosagem

Os relatos até hoje em relação à superdosagem de fosfomicina oral são bem limitados. Foram observados em alguns pacientes que se superdosaram: audição prejudicada, alterações gerais do paladar e paladar metálico.

É recomenda fazer reidratação afim de promover a eliminação da urina com o princípio ativo.

Interação do Monuril com outros remédios

A metoclopramida (remédio que aumenta o trânsito gastrintestinal) não deve ser usado junto com Monuril. Há risco de diminuir as concentrações sanguíneas e excreção urinária da fosfomicina. Os outros medicamentos com a mesma função da metoclopramida também podem produzir alguns efeitos semelhantes.

ArmazenamentoMonuril

Minoril deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15ºC e 30ºC), protegido da luz e da umidade. O número do lote, assim como as datas de fabricação e validade estão na embalagem. Jamais faça uso desta medicação se seu prazo de validade estiver vencido.

Monurul é um medicamento que se apresenta na forma de granulado branco com sabor de tangerina, levemente adocicado.

Monuril Preço

De uso oral e para adultos, Monuril é fabricado pelo laboratório Zambon. Ele é comercializado em embalagens com 1 ou 2 envelopes de 8 g. O preço para uma unidade varia entre R$ 45 e R$ 50 e para duas unidades vai de R$ 90 a R$ 100, de acordo com farmácia e região.

É preciso apresentar receita médica para comprar este medicamento.

Monuril Genérico

Não há nenhum fabricante de genéricos de Monuril.

Pergunta dos leitores

Monuril é indicado para infecção urinaria?

Monuril é um medicamento utilizado exclusivamente para a o tratamento e prevenção de infecções urinárias. Porém, apenas para as não-complicadas. Por isso é sempre importante consultar um médico antes de fazer uso de qualquer medicamento, pois apenas ele saberá prescrever a melhor opção para você.

Monuril é contraindicado na gravidez?

Sim. Apenas com autorização do médico responsável a grávida poderá utilizar esta medicação. O uso incorreto poderá fazer mal a ela e ao feto em seu ventre.

Monuril é um antibiótico?

Sim, Monuril é um antibiótico que atua contra as infecções urinárias não complicadas. Assim como todos os antibióticos, ele não pode ser usado do nada e sem receita médica. Consulte um médico para saber se ele se adeque a sua situação.