Triancinolona Acetonida – Pomada para Aftas e Lesões Bucais! Aprenda como usar corretamente

Não há nada mais incômodo do que uma ferida ou lesão na boca. São vários tipos: aftas, úlceras, eczemas, bolhas… em comum, todas elas têm o fato de que atrapalham o dia-a-dia de uma pessoa, que vai sentir desconforto para escovar os dentes falar, comer e até beber água.

Essas lesões têm diversas origens, mas todas são chamadas de processo inflamatório da cavidade oral. Podem ser infecciosas, virais, auto-imunes, traumáticas, neoplásicas e até reações a medicamentos. Algumas representam distúrbios estomacais. A maioria surge como consequência de alguma doença. As feridas podem surgir na base das gengivas, na língua e, mais comumente, no interior das bochechas.

E as crianças estão mais vulneráveis a esse tipo de lesão, já que têm o sistema imunológico mais fraco. Nos pequenos, essas doenças são ainda mais traumáticas, já que podem fazer com que ele deixe de se alimentar.

Mas a boa notícia é que também existem diversos remédios, tópicos ou via oral, que aliviam esses sintomas! Hoje, você vai conhecer uma pomada chamada Triancinolona Acetonida.


Para que serve a pomada Triancinolona Acetonida

A Triancinolona Acetonida é um corticosteroide sintético, classe de medicamentos derivados de um hormônio produzido as glândulas suprarrenais do nosso corpo, chamado de cortisol. Ele tem ação anti-inflamatória e imunossupressora, ou seja, que suprime os mecanismos de defesa do corpo. Com isso, a pomada alivia as dores e incômodos causadas pelas lesões da cavidade oral, como aftas e úlceras.

Triancinolona Acetonida para Aftas

Esse remédio serve como tratamento auxiliar e apenas alivia temporariamente os sintomas das feridas, que podem ser, como descrito acima, originárias de um trauma ou de uma inflamação odontológica.

Como funciona o Triancinolona Acetonida

Além da ação anti-inflamatória, a triancinolona acetonida age como uma antipruriginosa, ou seja, que inibe as coceiras e comichão. O medicamento também é antialérgico, o que ajuda e diminuir a inflamação.

A pomada atua como um veículo adesivo que faz com que o medicamento fixe nos tecidos orais, mais especificamente nas lesões. Ela forma uma camada protetora que reduz as dores e ajuda a acabar com as inflamações.

Como usar a pomada Triancinolona Acetonida

Esse remédio deve ser usado apenas por adultos e aplicado diretamente na boca. Coloque em um dedo uma pequena quantidade da pomada e aplique uma camada fina em cima das lesões, sem esfregar. Em lesões maiores, é possível usar mais pomada, mas nunca deixando mais do que uma película que deve ser escorregadia. Se esfregada, a pomada fica granulosa e perde suas propriedades.

A pomada Triancinolona Acetonida deve ser aplicada à noite, antes de dormir e após escovar os dentes, fazendo com que o medicamento aja durante toda a noite. Em casos mais graves ou se forem muitas lesões, o tratamento pode ser aumentado para duas ou três aplicações por dia, de preferência após as refeições e higiene bucal.

Consulte um médico para saber a posologia e duração de tratamento mais adequada para o seu caso, bem como os demais medicamentos que devem ser usados para tratar a causa das lesões. Se elas não melhorarem após sete dias, retorne ao médico.

Composição do Triancinolona Acetonida

De acordo com a bula do laboratório EMS, esta é a composição da Triancinolona Acetonida:

Pomada bucal de 1 mg/g em embalagem com uma bisnaga de 10g. Cada grama da pomada contém:

  • triancinolona acetonida: 1 mg
  • veículo q.s.p.: 1 g (excipientes: carmelose sódica, pectina, gelatina, base de petrolato e polietileno)

Contraindicação do Triancinolona Acetonida

Triancinolona Acetonida pomada é contraindicada para quem tem alergia ou hipersensibilidade a qualquer componente da fórmula. Pacientes com infecções fúngicas, como a candidíase, virais ou bacterianas da boca ou garganta não devem usar esse medicamento. Principalmente quem tem herpes já que a Triancinolona Acetonida contém corticosteroide, substância que pode agravar ou alastrar as herpes, que são de origem viral.

Grávidas, mulheres lactantes ou com a intenção de engravidar não devem usar esse medicamento, assim como crianças menores de 12 anos.

Efeitos colaterais do Triancinolona Acetonida

Como dito acima, esse medicamento e o tratamento com outros remédios para as lesões da cavidade bucal devem fazer efeito em uma semana. Isso significa que o uso prolongado da Triancinolona Acetonida, por mais de sete dias, pode causar reações adversas como as que ocorrem com as preparações esteroides sistêmicas. Entre elas estão:

  • supressão adrenal (déficit de produção de alguns hormônios pelas glândulas suprarrenais)
  • catabolismo de proteínas (degradação de macromoléculas nutritivas pelo organismo)
  • alteração do metabolismo de glicose
  • ativações da úlcera péptica

Todos os sintomas são reversíveis quando o tratamento é descontinuado.

Triancinolona Acetonida

Precauções

Pessoas com tuberculose, úlcera ou diabetes mellitus não devem usar esse remédio ou qualquer outra substância de corticosteroide. Em todos os casos, quando se usa esse tipo de medicamento, as respostas normais de defesa dos tecidos orais ficam prejudicadas.

Em testes, não pode ser estabelecida a segurança do uso de Triancinolona Acetonida em mulheres grávidas quanto ao desenvolvimento do feto, por isso o uso não é recomendado. Crianças menores de 12 anos também não devem usar a pomada. Em idosos, não há contraindicação.

Se as feridas não cicatrizarem em uma semana, interrompa o tratamento e retorne ao médico. Não use esse remédio para tratar herpes ou qualquer outra lesão bucal que não se saiba a origem.

Superdosagem do Triancinolona Acetonida

Não há relatos de superdosagem por Triancinolona Acetonida. A única precaução, como dito acima, é não usa-la por mais de sete dias. Se a dose usada for maior do que a desejada, é possível fazer a diluição da pomada por meio de fluidos. Para isso, procure um hospital.

Interação do Triancinolona Acetonida com outros remédiospara que serve triancinolona acetonida

Não há nenhuma outro remédio, seja de uso tópico ou oral, que interfira no tratamento ou cause males à saúde quando usado ao mesmo tempo que o Triancinolona Acetonida pomada.

Armazenamento

Como a maioria dos medicamentos, o Triancinolona Acetonida deve ser mantido em temperatura ambiente, ou seja, entre 15° e 30°C. Sempre mantenha a bisnaga de pomada na embalagem original, onde estará impressa a data de fabricação. Nessas condições, o prazo de validade é de 24 meses a partir da data de fabricação.

Respeite sempre esses prazos e não faça uso do medicamento caso observe alguma mudança no aspecto.

Triancinolona Acetonida preço

Embora o Triancinolona Acetonida possa ser adquirida nas farmácias sem receita, nunca compre esse ou qualquer outro medicamento sem a indicação de um médico, seguindo as dosagens e o período de tratamento indicado por ele. Existem preços disponíveis para consulta na internet:

Triancinolona Acetonida embalagem com 1 bisnaga de 10 g – média de R$ 7,00

Triancinolona Acetonida genérico

Não existe um genérico específico para a Triancinolona Acetonida, mas existem pomadas similares, como Colujet, Mud Oral e Omcilon, todas com preços similares e bastante em conta.

Pergunta dos leitores

Existe Triancinolona Acetonida em forma injetável ou de comprimido?

Não. Esse medicamento pode ser encontrado apenas em forma de pomada, até porque deve ser aplicada uma camada fina diretamente sobre a ferida para ter um efeito mais eficaz. No entanto, o tratamento com Triancinolona Acetonida é apenas complementar e serve para aliviar as dores causadas pelas feridas. Para que elas desapareçam por completo, é preciso tratar a causa das lesões, geralmente com medicamentos de via oral. Consulte um médico para que ele considere o seu caso.